Vender livros na Amazon – Melhores práticas para atrair leitores

Publicado por Jade Cestari em

Vender livros na Amazon é algo que requer muito trabalho e uma quantidade razoável de tempo.

Muitos acreditam que isso aconteça naturalmente, como se após fazer o upload do livro ele vá ter sucesso automaticamente. Isso só acontece com pouquíssimos escritores, e é  impraticável, não tem como se planejar para isso.

Claro, sempre há os escritores que simplesmente esperam isso acontecer e os que agem. Se você está aqui é provável que seja do primeiro tipo.

Acontece que quando o seu livro está na Amazon há a possibilidade de ele estar lado ao lado do seu concorrente, ou de algum livro de sucesso.  Isso depende de muitos fatores, nem sempre esclarecidos pela própria plataforma, mas há sim uma forma de você se destacar dos demais e com isso vender livros na Amazon.

Por isso, separei algumas dicas que vão muito além de saber onde publicar o que você escreve para, com isso, ver o seu livro subir no ranking da Amazon.

 

Conheça o seu público

O primeiro ponto é conhecer o seu público. Saber como ele se comporta, o que chama a sua atenção. Afinal, é ele que vai comprar o seu livro.

Para isso vale, quase, tudo. Pode fazer perguntas no Instagram Stories, perguntar para os leitores betas, conversar inbox com alguns leitores, testar publicações nas redes, etc. O que for necessário para conhecer os seus leitores.

E como isso se relaciona com a venda?

Simples: saber como seu livro pode chamar atenção do público certo. Que nada mais é que o público que está disposto a pagar pelo seu livro.

Inclusive, conhecer o seu público é tão crucial que é ele quem determina as próximas dicas.

 

Cuidado na hora de fazer o upload na plataforma

Um momento que precisa de muita atenção é a hora de subir o seu livro na Amazon.

Além de já ter registrado, ter feito um bom layout, e ter prestado atenção nos metadados, é mega importante cuidar como você vai fazer o upload. Pois na hora de fazer o upload é que o seu arquivo pode corromper.

Essa também é a hora de estabelecer outros itens como preço, o quanto de royalty você vai ganhar e se vai estar disponível no Kindle Unlimited ou não.

O Kindle Unlimited é uma ótima ferramenta para você ficar conhecido e de ter um eventual sucesso de vendas. Por mais que você possa elencar inúmeros livros que figuram na lista de mais vendidos e que não estão disponíveis no Kindle Unlimited, a importância dessa ferramenta se encontra na possibilidade ser uma porta de entrada para venda de livros. Isso pois o leitor acaba conhecendo os seus livros, se familiariza com a escrita e com isso opta por comprar outros livros do autor.

Além disso, é importante prestar atenção nas lojas que você vai disponibilizar o seu livro. Se vai ser só no Brasil ou em lojas de outros países.

Por experiência própria, compartilho que ter o livro disponível em várias lojas da Amazon só beneficia. Após optar por isso, fica a seu critério escolher o preço.

Então sim, ter cuidado na hora de fazer o upload não diz só ao arquivo em si e sim em relação aos processos e escolhas a serem feitas nessa primeira parte.


 

Estude as categorias de publicação

São muitas categorias disponíveis, por isso a importância de antes de optar por alguma, estudá-las. Afinal, lançar o seu livro em uma categoria que não faz sentido ou não seja ideal pode ser prejudicial, uma vez que você pode nem perceber o seu erro. E que editar depois é complicado.

O primeiro ponto a ser levado em consideração é ter coerência. Com o seu livro, com o público e até com a capa. Isso é crucial.

Uma vez que muitos leitores encontram os livros, e compram eles, através das categorias. A própria plataforma organiza a sua divulgação com base nas categorias e nas palavras-chaves, da qual falaremos nosso próximo assunto, e isso faz muita diferença entre alcançar ou não o público certo.

 

Aprenda sobre as palavras-chaves

Mesma situação das categorias acima. Saber optar pelas palavras-chaves mais adequadas para o seu livro é um dos itens que mais vai te ajudar a vender, bem, o seu livro na Amazon.

São sete palavras-chaves, o que pode parecer  muito, mas que se você prestar atenção e estudar podem (e devem) ser muito bem utilizadas.

Para isso você deve pensar em palavras que chamem a atenção do seu público e que tenham a ver com o seu livro. Opte por palavras relacionadas ao tema do seu livro ou gênero literário. Também é a oportunidade de escolher palavras relacionadas à assuntos abordados na sua obra. Se possível tente colocar alguma palavra do seu título entre as palavras-chaves. E vice-versa.

As palavras-chaves, junto das categorias, são elementos que muitas vezes recebem pouca atenção mas que podem fazer toda a diferença na venda do seu livro.

Cuidado com o título para vender livros na Amazon

Todos os elementos de um livro se conectam. Se eles não estão se conectando, é a hora de fazer algumas edições. E com o título não há diferença. Ele deve obrigatoriamente ser coeso com o livro. E chamar atenção. Pois é ele que as pessoas leem em um e-mail ou anúncio.

A escolha do título é muito pessoal, algo super compreensível, mas também deve ser pensada de forma que vá contribuir com a venda o seu livro.

Para isso, se possível, tente usar as palavras-chaves determinadas ou se manter no mesmo estilo de linguagem, pois mostra uma unidade como marca de autor e estabelece a sua presença.

Você não precisa se valer de títulos apelativos simplesmente para ter mais atenção. O importante é que seu título faça sentido com a obra a ser lida pelo leitor. Isso contribui muito para a venda.

 

Atenção à sua sinopse

Um dos itens que ajudam na hora de divulgar e vender bem o seu livro é a sinopse. Ela deve apresentar um pouco da sua obra e instigar quem a lê a comprar. Isso contribui muito.

Uma boa sinopse é a diferença entre um livro vender bem ou não. Já que fica a cargo dela retificar qualquer equívoco causado pelo título ou pelas categorias.

É importante ter cuidado com a sinopse para ela não entregar toda a história e, claro, adicionar algumas palavras-chaves nela. Pois junto de palavras-chaves, das categorias, título e da capa é ela que ajuda a chamar atenção e vender o seu livro.

 

A capa é tudo

Elemento que todo mundo presta muita atenção, com razão, a capa contribui muito para o sucesso de uma obra. E isso quase uma regra.

Por isso, novamente, é necessário ser coeso na hora de escolher ou criar a capa.

Ela deve obviamente estar relacionada a sua marca de escritor e ao conteúdo do livro. Mas também deve chamar atenção do seu público leitor. Algo interessante de ser feito é convocar os seus leitores betas e pedir a opinião deles sobre alguns modelos de capas. Isso não só contribui para que os leitores betas se sintam valorizados, algo importante, mas também lhe ajuda a escolher a capa que possa ter mais sucesso.

A capa é uma das primeiras coisas que as pessoas veem na hora de alguma divulgação, seja por parte da própria plataforma através de maillings, ou mesmo por meio das suas publicações em redes sociais e intermédio de parceiros.

Esses últimos também são ótimos para pedir a opinião em relação a capa.

 

Cultive bons parceiros

Não existem livros que se vendam bem sozinhos ou que tenham se divulgados sozinhos. É um processo, uma engrenagem, e para isso é necessário ter bons parceiros. E para isso, é necessário saber cultivá-los.

Procure blogueiros que divulguem, de graça ou através de uma comissão, trate eles com respeito e igualdade. Não se preste a dar mais atenção para “x”, “y” ou “z” devido ao número de seguidores ou likes.

Um bom blogueiro para ser parceiro de divulgação é aquele que traz engajamento, interação e vendas. A divulgação deles tem muita força, se bem feita, e por isso é mega importante também buscar um alinhamento de divulgação. Especialmente se eles vão postar nas redes deles.

Esse alinhamento pode ser feito de forma bem prática, você mesmo pode fazer uma pasta e compartilhar lá imagens “padrão” de divulgação ou até compartilhar elementos de design. E claro, se tal não for remunerada, dê liberdade para o blogueiro fazer a divulgação quando quiser. Além disso, compartilhe sempre com eles os devidos links de compra dos seus livros.

Ter um bom relacionamento com os parceiros faz toda a diferença entre não vender e vender muito bem o seu livro. Eles podem inclusive lhe ajudar na próxima e última dica.

 

Avaliação, avaliação, avaliação…

Se você já comprou um livro através da Amazon, já deve ter recebido aquele e-mail te convidando a avaliar. E, por favor, se você gostou ou não dele avalie.

As avaliações ajudam muito quem está indeciso na hora de comprar uma obra e contribuem para chamar atenção.

Logo, você pode e deve se valer dos parceiros na hora de perguntar para eles se poderiam pedir para a audiência para avaliar o seu livro. E também fazer isso com os seus leitores ao pedir nas redes sociais para o seu público não esquecer de avaliar para você conseguir vender livros na Amazon.

***

Essas foram algumas dicas para você conseguir vender mais na Amazon. Tem alguma dica para compartilhar? Deixe nos comentários!

Aproveite também para conhecer o curso abaixo. É só clicar no banner.

 

 


Jade Cestari

É formada em Publicidade e Propaganda pela PUCRS, cursando um MBA em Comunicação e Semiótica. Sempre desenvolvendo diferentes projetos e trabalhos voltados para a área da cultura, conteúdo e web. Na Escritor Publicado atua como co-criadora e idealizadora, trabalhando diariamente com os nossos clientes e incentivando assim a literatura nacional.