Como construir um bom final de historia

Publicado por Vilto Reis em

Neste vídeo, Vilto Reis comenta os principais aspectos para se construir um final de história inesquecível.

LINKS ÚTEIS:
Adquira o livro A arte da ficção, de David Lodge
Curso COMO ESCREVER CONTOS
Inícios de livros – Dicas para você escrever começos espetaculares
Inspiração ou técnica – o que conta mais na hora de começar a escrever?

 

Quer receber meus vídeos por e-mail?

 


Assine também nosso canal no Youtube e siga acompanhando os conteúdos!

Também não deixe de compartilhar sua opinião! Comente abaixo!

O que você encontra neste vídeo sobre Como construir um bom final de historia

Se a ficção simula a vida, como podemos acabá-la?

Na verdade, é muito simples, pois a ficção simula a vida verdadeiramente, mas sim uma fatia dela, um trecho, uma parte que é memorável o suficiente para que escrevamos a respeito.

 

O final do conto

O conto é construído para chegar ao fim, enquanto o romance não deixa claro quando irá acabar.

 

O final do romance

“…uma desaceleração suave do discurso”, como afirma David Lodge.

Se estiver escrevendo um romance e começar a empilhar capítulo sobre capítulo sem sentir nada que o atraia a um final forte, é possível que você esteja perdido.

 

Sensação de finalidade

É mais uma intuição criativa do que algo metódico. No início pode ser quase imperceptível, mas vai surgindo no decorrer do caminho, um senso de direção, que por fim se torna irresistível.

 

Um ímã para a história

Uma intensidade que vai surgindo e atraindo para si os elementos e acontecimentos principais da história. Aquilo quer Orham Pamuk, vencedor do Nobel,  chama de ponto de convergência do romance.

 


Vilto Reis

VILTO REIS é autor de Um gato chamado Borges, livro finalista do Prêmio SESC 2015, e da monografia As teorias narrativas de Hitchcock aplicadas à Psicose. Tem contos publicados nas revistas Pulp Fiction, Flaubert, Raimundo, Pluriversos e no portal hispânico CuentoColectivo. Faz leituras críticas de originais e atua como coaching literário. Também é idealizador do site Homo Literatus, além de apresentador do podcast 30:MIN e de inúmeras séries de vídeos no Youtube.